O Interlúdio desta terça, 10 de maio de 2016, ofereceu um passeio por grandes compositores brasileiros, dentre eles Edino Kieger, de Brusque, que em 1948 foi selecionado como bolsista do Departamento de Estado dos EUA.

Alexandre Dietrich realizou um recital com performance irrepreensível, levando os presentes ao píncaro da música ao piano.
A Sociedade Harmonia Lyra é grata ao pianista, a todos os presentes e aos nossos apoiadores. Fotos: Pablo Teixeira

Conheça a atração do Interlúdio que aconteceu nesta terça-feira 10/05 às 19h, o pianista Alexandre Dietrich. Mais abaixo você pode conferir o repertório da noite.

Um dos mais atuantes artistas de Santa Catarina, iniciou seus estudos musicais aos dez anos de idade sob orientação de Margaret Dhein. Graduado pela Universidade do Estado de Santa Catarina com o título de Bacharel em Piano orientado por Paulo Rogério Faria (RJ) e Maria B. Póvoas (SC). Alexandre desenvolve uma atuante carreira como pianista, seja como solista ou camerista. Apresenta-se em várias e importantes salas de concertos do Brasil, a citar: Theatro São Pedro, Casa de Cultural Mario Quintana – Porto Alegre, Sala de Concerto Tribunal de Justiça – Museu de Arte Moderna, Museu da República, Sala Francisco Mignone – Rio de Janeiro, Teatro Municipal Limeira – São Paulo, Auditório da Faculdade de Artes do Paraná – Curitiba, Teatro da Reitoria – Salvador, Auditório Sogipe – Aracaju, Teatro Municipal de Americana – São Paulo, Auditório UFSM – Santa Maria, Teatro Municipal de Itajaí – Santa Catarina, Teatro Álvaro de Carvalho – Florianópolis, Teatro Municipal de Araraquara – São Paulo, Teatro Pedro Ivo – Florianópolis, Museus de Artes de São Paulo – MASP, entre outros.

Sua estréia internacional foi no ano de 2003, a convite da renomada pianista Cristina Ortiz. Alexandre participou do “Atelier Pianístico”, em Bordeaux – França, organizado pela pianista. Em 2007 retornou a Europa, em uma turnê de piano solo, apresentando-se nas seguintes capitais e respectivas salas de concertos européias: Paris – Maison du Bresil, Lisboa – Palácio Foz, Madri – Auditório da Universid Compostulense, Bruxelas –Pathè Palace, onde em Bruxelas seu recital de piano solo marcou a abertura do “Festival de Som e Cinema”. Com a realização desta turnê Alexandre recebeu elogiosas críticas ao seu trabalho musical:

“ Trata-se sem dúvida de um trabalho de alta qualidade que, por promover a musicalidade do Brasil no exterior, merece todo nosso apoio” Reinaldo Storani- Ministro Conselheiro da Embaixada do Brasil na Bélgica.

“ – A apresentação despertou um grande interesse no público espanhol e obteve notável êxito” Cássio Romano – Membro do Conselho Espanhol de Estudos Culturais Ibero-Americanos.

Em abril de 2008 Alexandre gravou seu recital de piano apresentado na Europa na Rádio MEC no Rio de Janeiro. Neste mesmo ano, percorreu cidades dos três estados do sul do país acompanhado do Tenor Fernando De Carli com o projeto cultural “Canções pelo Sul do Pais”, viabilizado pelo Funcultural. Em fevereiro/março de 2009 Alexandre apresentou-se nos Estados Unidos, desta vez com o Tenor Fernando De Carli. O duo de canto e piano realizou duas apresentações: na cidade de Athens (Georgia) no Edge Hall, e na cidade de Roanoke (Virginia) no Talmadge Recital Hall.

No início de dezembro de 2009, Alexandre e o Tenor Fernando De Carli apresentaram uma série de dez recitais didáticos de canto e piano abrangendo mais de 1000 crianças das redes de ensino municipal e estadual de Florianópolis, com o projeto cultural “ Florianópolis em Canto e Piano”. Em janeiro de 2010 até março do mesmo ano, Alexandre retornou aos Estados Unidos a convite da University of Georgia, como aluno intercambista do curso de “Music Performance”, tendo como orientador musical o pianista Dr. Eugeniv Rivkin. Também, neste mesmo período,
em fevereiro de 2010 participou como artista convidado do “Brazilian Festival” realizado pela University of New Orleans (EUA) na cidade de New Orleans, onde Alexandre apresentou seu recital de piano solo. Em março de 2010 Alexandre apresentou-se na UCLA (Universidade da Califórnia em Los Angeles), na cidade de Los Angeles, apresentando um recital de piano solo, a convite do Consulado Brasileiro nos EUA e da UCLA. A apresentação de piano solo foi realizada no Popper Theater em Los Angeles.

Em 2011 Alexandre apresentou uma série de recitais a dois pianos com o pianista Guilherme Amaral, abrangendo sete apresentações pela cidade de Florianópolis, divulgado a música erudita. Também em 2011 lançou seu Compact Disc intitulado “Cantabile”, interpretando obras de Francisco Mignone, Frederic Chopin, Robert Schumann e Heitor Villa Lobos.

No início de 2012 apresentou juntamente com o tenor Fernando De Carli uma série de recitais de canto e piano com o título “Italianíssimo” percorrendo 5 cidades de Santa Catarina. Em março e abril de 2012 apresentou dois recitais a dois pianos com a pianista Maria Josephina Mignone, (viúva do compositor Francisco Mignone), em Florianópolis e no Rio de Janeiro. Estas apresentações tiveram no programa obras exclusivamente brasileiras, compostas ou arranjadas por Francisco Mignone. Em outubro de 2012 apresentou a “Série Chopin” com a apresentação integral dos Concertos de Frederic Chopin para piano e orquestra. Em seguida, em novembro/dezembro deste mesmo ano, Alexandre apresentou a convite da Lonestar College Montgomery – Universidade dos EUA- em Houston Texas um recital de música brasileira. Além do recital Alexandre proferiu uma palestra sobre a História da Música no Brasil a partir da chegada da Corte Portuguesa.

Em 2015 Alexandre lançou seu segundo CD “Piano Agitato” – CD a quatro mãos com o pianista Guilherme Amaral. Também neste mesmo ano, seguindo sua carreira internacional apresentou-se em fevereiro em Lisboa – Portugal e em setembro em Hamburgo – Alemanha. Alexandre apresentou recitais com repertório todo com obras de compositores brasileiros, obtendo elogiosas críticas de sua performance.

Programa:

Frederic Chopin
Grande Valsa Brilhante em La menor opus 34 n 2
Noturno opus 9 n 2
Johannes Brahms
Intermezzo n 2 opus 118
Ballada n 3 opus 118
Heitor Villa Lobos
Valsa da Dor
Rhodante
Ernesto Nazareth
Brejeiro
9 de Julho – Tango
Odeon
Camargo Guarnieri
Ponteio n 50
Ponteio n 49